Niterói terá Lockdown a partir de segunda-feira

A Câmara de vereadores de Niterói aprovou na noite desta quinta-feira (07), o projeto Lei que determina do LockDown na cidade. A medida passa a valer de 11 a 15 de maio, podendo ser prorrogado por igual período, em descompasso com as medidas temporárias de isolamento social estabelecidas no combate ao coronavírus. A medida, proposta pela prefeitura, segue para a sanção do prefeito Rodrigo Neves (PDT).

De acordo com o projeto de lei enviado pela prefeitura, fica proibida a permanência e circulação de qualquer cidadão nas vias, praias, equipamentos, locais e praças públicas sob pena de multa de R$ 180. Os valores das multas que ingressarem nos cofres do Município serão vertidos ao Fundo Municipal de Saúde para aplicação em leitos públicos de pacientes graves do Coronavírus.

As únicas exceções são os trabalhadores de serviços considerados essenciais e as pessoas que estiverem indo a unidades de saúde ou a estabelecimentos que permanecem abertos, como supermercados e farmácias.

“Nós vamos reforçar os bloqueios com municípios limítrofes, que já estão em curso, agora também com a testagem da temperatura daqueles que chegam de outras cidades. Caso seja verificado que essas pessoas estão com temperatura acima do normal, elas serão encaminhadas a unidades de saúde para, imediatamente, fazer os exames necessários para evitar a propagação rápida da Covid-19 em Niterói”, afirmou Rodrigo Neves.

O prefeito disse, ainda, que no período de 11 a 15 de maio também serão suspensas  as obras que estavam em andamento em todas as regiões da  cidade. Outra medida, após reunião com representantes do Ministério Público, será a ampliação, até o dia 16 de maio, em 40% a quantidade de leitos com respiradores na rede pública e privada de Niterói.

A Prefeitura de Niterói já adotou uma série de medidas para deter o avanço da Covid-19 na cidade, como a sanitização de bairros e favelas, criação da Renda Básica Temporária, distribuição de kits de higiene, implantação do primeiro hospital para Covid-19 do País, e a criação de programas de apoio aos empresários, entre outros.
Medidas anunciadas pela Prefeitura nesta quinta-feira

– Ampliação as ações restritivas e multa no valor de R$ 180, de 11 a 15 de maio, para pessoas que estejam nas ruas, praias e praças públicas, com exceção para o deslocamento por força de trabalho, ida aos serviços essenciais e estabelecimentos autorizados a funcionar.- De 11 a 15 de maio só estão autorizados a funcionar na cidade, mercados e supermercados, padarias, farmácias, pet shops e postos de combustível.- Reforço dos bloqueios com municípios limítrofes, que já estão em curso, agora também com a testagem da temperatura daqueles que chegam de outras cidades.

– Suspensão de 11 a 15 de maio das obras que estavam em andamento em todas as regiões da cidade.

– Ampliação, até o dia 16 de maio, em 40% a quantidade de leitos com respiradores na rede pública e privada de Niterói.

Casos atualizados

629 Casos Confirmados

150 Hospitalizados (70 confirmados com coronavírus)

339 Em isolamento social

185 recuperados

35 óbitos

Notícias Relacionadas

 

 

 

 

 

 

 

ID do anuncio invalido ou não publicado.