Cidades do Conleste registram aumento de empregos em junho

Foto: Minne Santos / Agência Alagoas

Foto: Minne Santos / Agência Alagoas

Apenas quatro cidades que fazem parte do Consórcio Intermunicipal de Desenvolvimento do Leste Fluminense (Conleste) registraram, segundo o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGED) da Secretaria de Trabalho do Ministério da Economia, perdas de postos de trabalho em junho/2019 (Araruama, Cachoeiras de Macacu, Nova Friburgo e Saquarema). Excetuando-se Silva Jardim, em que não há dados por ter menos de 30 mil habitantes, todas as outras dez cidades registraram aumento de contratações com carteira assinada.

Os municípios que mais registraram aumento de vagas entre os dias 01 e 30/06 foram Maricá, com 315 novas vagas, São Gonçalo, com 310, e Niterói, com 304. Já entre 01/01 e 30/06, a cidade que mais registrou saldo positivo de vagas foi Itaboraí, com 956, seguida por Maricá (748) e Nova Friburgo (578).

Já as cidades que registraram extinção de postos de trabalho no último mês foram Araruama (-5), Cachoeiras de Macacu (-18), Nova Friburgo (-50) e Saquarema (-13). Em 2019, a cidade que mais registrou perda de empregos foi São Gonçalo (-1.631 postos), seguida de Niterói (-876), Magé (-359) e Cachoeiras de Macacu (-233). As demais cidades apresentaram variação positiva de contratações.

Se considerar o período de um ano (de junho/18 a junho/19), Itaboraí novamente aparece na frente da cidade que mais criou empregos, com 1.787 novas frentes de trabalho. Já São Gonçalo é o destaque negativo, com 1.708 postos de trabalho perdidos.

ESTADO – O mês junino foi positivo e mostrou reação do Estado do Rio de Janeiro como um todo. Em maio deste ano, o CAGED havia registrado a perda de 4.289 empregos. Já em junho, o órgão registrou um aumento de 2.341 postos de trabalho. O setor que mais contratou foi o de construção civil (1.219 vagas), seguido pelo de indústria de transformação (830).

Notícias Relacionadas