Mortes em Saquarema colocaram Baixada Litorânea em “risco moderado”

Hospital Municipal Nossa Senhora de Nazareth é a principal unidade de saúde de Saquarema. Foto: Arquivo / Lucas Nunes / ErreJota Notícias

Na nona edição do Mapa de Risco da Covid-19, divulgado nesta quarta (04) pelo Governo do Estado do Rio de Janeiro, a região “Baixada Litorânea”, que compreende nove cidades da Região dos Lagos, voltou à bandeira laranja, que representa risco moderado para a doença. E, de acordo com o médico Superintendente da Subsecretaria Extraordinária de Covid-19, o motivo foi um aumento de mortes em Saquarema.

Mapa Covid-19“Somente a Baixada Litorânea retrocedeu para a bandeira laranja em todo o estado, atingindo 11 pontos no total. Isso ocorreu devido a um aumento no número de óbitos. Da semana epidemiológica 41 para a 43, foram mais sete óbitos em Saquarema e dois em Rio das Ostras. Apesar da oscilação positiva no número de óbitos, em números absolutos, ele ainda é pequeno. Requer cuidado, mas ainda é pequeno”, explicou Danilo Klein, médico Superintendente da Subsecretaria.

LEIA MAIS: Região Metropolitana com baixo risco de transmissão para Covid-19

Na Região da Baixada Litorânea, houve aumento de 100% no número de óbitos e uma taxa de positividade para Covid-19 de 33,24%. Porém, a região também apresentou queda de 40,32% nos casos e taxa de ocupação dos leitos de UTI e enfermaria, respectivamente, de 35,17% e 31,76%, mantendo a classificação de risco moderado. Vale lembrar que a região não estava em bandeira laranja desde a terceira atualização do Mapa de Risco, divulgada em 04/08.

A nona edição compara as Semanas Epidemiológicas 43 (18 a 24 de outubro) em relação à 41 (04 a 10 de outubro). Taxa de positividade de pacientes testados para coronavírus; variação de casos e óbitos por SRAG; taxa de ocupação de leitos destinados a SRAG; e previsão de esgotamento de leitos de UTI para SRAG são os indicadores utilizados na análise.

6,68% da população do estado vivem nessa região. Fazem parte da região as cidades de Araruama, Armação dos Búzios, Arraial do Cabo, Cabo Frio, Casimiro de Abreu, Iguaba Grande, Rio das Ostras, São Pedro da Aldeia e Saquarema.

Notícias Relacionadas