Integrante de quadrilha paulista é preso em Niterói

Ação conjunta entre agentes da 76ª DP, 81ª DP e 1º Cerco (Corpo Especial de Repressão ao Crime Organizado) da Polícia Civil do Estado de São Paulo. Foto: Reprodução / Google Street View

Investigadores da 76ª DP (Centro de Niterói) e da 81ª DP (Itaipu), em ação integrada com o 1º Cerco (Corpo Especial de Repressão ao Crime Organizado) da Polícia Civil do Estado de São Paulo, prenderam um integrante de organização criminosa paulista, acusado de falsificar medicamentos.

Segundo as investigações, o acusado estava foragido há cerca de quatro meses, desde que agentes de São Paulo estouraram um grande laboratório onde ele falsificava medicamentos e estocava anabolizantes contrabandeados. Na ocasião, foi apreendido mais de R$ 1 milhão em medicamentos e insumos.

O criminoso foi localizado e preso no Fonseca, em Niterói, onde se recuperava de uma cirurgia após ter sido baleado. Contra ele foi cumprido mandado de prisão expedido pela Justiça de São Paulo pelos crimes de associação criminosa, falsificação ou adulteração de produto destinado a fins terapêuticos ou medicinais e exercício ilegal da profissão farmacêutica.

 

Notícias Relacionadas